Estado de São Paulo libera emissão de RG Digital pelo celular

    São Paulo começou a emitir RG em formato digital.

    O Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt (IIRD) e a Polícia Civil do Estado de São Paulo anunciaram na última quarta-feira (12), que o RG (Registro Geral) já está disponível em formato 100% digital do estado. A iniciativa integra o projeto de digitalização do governo paulista, vale lembrar que no Brasil já há CPF, CNH e até documentos de veículos em formato digital.

    RG Digital SP
    RG Digital chega para facilitar a vida dos paulistas. A versão emitida por aplicativo possui o mesmo design do documento físico. (imagem: divulgação Polícia Civil do Estado de São Paulo)

    O RG Digital SP está disponível para todas as pessoas que emitiram o Registro Geral (RG) no Estado de São Paulo depois do dia 04 de Fevereiro de 2014, isso porque o documento emitido após essa data passou a ter numeração vermelha e, além disso, conta com um QR Code, o que garante compatibilidade com a recém-lançada versão digital do RG.

    Além de ter o RG com QR Code, o cidadão também precisa ter um título de eleitor válido com biometria cadastrada na justiça eleitoral. Se, eventualmente, o eleitor não tiver a biometria cadastrada o RG Digital não é liberado, pois o instituto de identificação faz o cruzamento das informações do cidadão na Polícia Civil com a Justiça Eleitoral.

    Vantagens do documento digital:

    • Gratuito – Não há taxas para obter a versão digital do documento;
    • Disponibilidade – Pode ser baixado em qualquer celular Android ou iPhone;
    • Segurança – Para emitir a versão digital é necessário validar a biometria facial por selfie;
    • Facilidade – com o RG Digital cadastrado, emitida uma segunda via do RG (físico ou digital) pela internet;
    • Proteção – Documento só funciona em um único dispositivo por vez;
    • Conveniência – Em caso de perda do smartphone basta baixar uma nova versão em outro dispositivo que a via digital antiga será, automaticamente, cancelada;

    RG DIGITAL PODE SER EMITIDO NA HORA E DE GRAÇA

    A boa notícia é que a versão digitalizada do RG pode ser emitida por aplicativo (iOS ou Android) completamente de graça! Diferente do documento físico, o cidadão não paga nenhuma taxa para ter acesso ao documento eletrônico. Ademais, feito o processo de emissão o documento virtual é gerado na hora no aplicativo.

    A versão digital é, visualmente, igual à versão física do RG emitida após 04 de Fevereiro de 2020.

    Além de solicitar a via digital do RG com base no documento físico, quem já tem RG Digital cadastrado no dispositivo poderá optar por solicitar uma SEGUNDA VIA atualizada do RG físico ou digital. Se, eventualmente, precisar de uma segunda via do documento físico é possível fazer o pedido pelo aplicativo logo após recolher a taxa de emissão, podendo o envio do documento ser feito por Correios.

    RG Digital usa a biometria facial

    Para dar segurança ao processo de emissão, o Governo do Estado de São Paulo estabeleceu mecanismos de segurança que, dentre outras coisas, evitam que o documento seja emitido indevidamente por terceiros. Para confirmar a identidade do cidadão, por exemplo, o aplicativo do RG Digital SP utiliza a biometria facial, tecnologia que cruza pontos do rosto através de uma selfie instantânea e, com isso, consegue descobrir se o solicitante é a mesma pessoa que está cadastrada na base de dados do instituto de identificação e também junto à justiça eleitoral.

    Além da selfie na emissão do documento, essa tecnologia ainda pode ser utilizada para “desbloqueio” do RG Digital no aplicativo.

    Em caso de perda, roubo ou extravio do celular, por exemplo, bastará que o cidadão baixe um novo RG Digital em outro dispositivo, ao fazer isso o RG Digital antigo perde automaticamente a validade, pois, segundo à Polícia Civil de São Paulo, o documento só pode estar cadastrado em um único celular.

    COMO SOLICITAR O RG DIGITAL

    É fácil! A primeira emissão precisa de um RG Físico com QR Code. Caso tenha emitido o seu documento de identificação após 04 de Fevereiro de 2020, a emissão do RG Digital já está disponível para você. A segunda exigência é que tenha título de eleitor com biometria cadastrada junto à Justiça Eleitoral.

    Com o RG físico em mãos, baixe o aplicativo “RG DIGITAL SP”, disponível nas lojas de aplicativos do Android (Google Play Store) e iPhone (App Store). Após instalar o aplicativo clique em ADICIONAR RG.

    O próximo passo é “ler” o QR Code do RG físico usando a câmera do seu celular. Por último, por segurança, será solicitado o cadastro de uma selfie instantânea para o registro do reconhecimento facial, o que evita que a versão digital do documento seja emitida por pessoas não autorizadas.

    Com o cadastro do RG Digital realizado, a partir daí o cidadão consegue ter acesso a solicitações digitais de futuros documentos. É possível solicitar uma segunda via atualizada do documento, sendo que o próprio cidadão pode incluir uma foto atualizada utilizando a câmera do celular.

    Vale lembrar que, embora o RG não tenha data de validade impressa, a maioria dos bancos e instituições financeiras não aceitam o documento caso ele tenha sido emitido há mais de 10 anos. O app facilita o dia a dia do cidadão pois permite a emissão de uma segunda via digital do RG a qualquer momento e, melhor, sem custos. Já a versão física pode ser solicitada sem burocracia pela internet, desde que o cidadão pague os custos da emissão do documento, tal como ocorre com a emissão presencial.

    Como o formato digital do RG é novidade, é normal que muitos lugares ainda não aceitem a versão digital do RG, mas a tendência é que o novo modelo de documento ganhe popularidade e, com isso, no futuro pode ser que o documento físico possa ser opcional.